20/05/2018 às 13h49min - Atualizada em 20/05/2018 às 13h49min

SINDSJUS-PI participou da luta pela construção do Novo Fórum de Parnaíba

SINDSJUS/PI
Após quase seis anos de espera, os servidores do Poder Judiciário Estadual e a população de Parnaíba, na Região Norte do Piauí, finalmente contam com um novo fórum. A obra foi inaugurada na última sexta-feira (18), em solenidade conduzida pelo Des. Erivan Lopes, Presidente do Tribunal de Justiça do Piauí (TJ-PI). Desde 2012, o Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário do Estado do Piauí (SINDSJUS-PI) tem atuado, junto às gestões do TJ-PI, no sentido de cobrar a construção deste novo prédio, tão esperado especialmente pelos servidores, que reclamavam das condições de trabalho na antiga sede da Comarca.
 
Participaram da inauguração do novo Fórum da Comarca de Parnaíba um grande número de servidores, magistrados, promotores, defensores públicos, advogados, autoridades do Judiciário, Legislativo e do Executivo, bem como a sociedade em geral. O prédio fica situado na área chamada de “Cidade Judiciária Evandro Lins e Silva” e tem uma área total de mais de 2 mil metros quadrados. São três blocos, sendo dois destinados para as seis varas judiciais, um Juizado Especial Cível e um Criminal; além do terceiro bloco, destinado ao Tribunal do Júri.
 
O novo prédio conta com toda estrutura de secretarias, salas de audiências, gabinetes com banheiros privativos, recepção, sala para assessores, auditório, sala de testemunhas, sala para advogado e celas feminina e masculina. Além disso, também vão funcionar no espaço o Setor de Certidões, a Central de Distribuição e uma brinquedoteca, bem como salas especificas para os oficiais de justiça, OAB, Defensoria Pública, Ministério Público, assistentes sociais e psicólogos.
 
A obra era aguardada desde 2012, quando houve a doação de um terreno do município de Parnaíba ao TJ-PI. Desde essa época, o SINDSJUS tem atuado em prol da construção do novo prédio, já que os servidores filiados que atuavam na comarca reclamavam constantemente das péssimas condições de trabalho no Fórum Desembargador Salmon Lustosa.
 
“Desde o momento da doação do terreno para construção do novo fórum daquela comarca, o SINDSJUS-PI tem envidado esforços junto à administração do TJ-PI para consecução desse objetivo. Na gestão da Des. Eulália não houve avanço nesse sentido, mas na gestão do Des. Raimundo Eufrásio Alves Filho foi firmado o Termo de Cooperação com a prefeitura de Parnaíba para execução da obra. Finalmente, logo no início da gestão do atual presidente, Des. Erivan Lopes, o SINDSJUS apresentou este pleito dos filiados de Parnaíba e recebeu a posição de que essa tão importante obra seria concretizada”, lembra o presidente do SINDSJUS-PI, Carlos Eugenio de Sousa.
 
A obra, inicialmente orçada em mais de R$ 8 milhões, começou a ser executada em 5 de julho de 2016,  com previsão inicial para conclusão em 31 de dezembro daquele mesmo ano. Porém, houve atraso na construção e, durante esse tempo, o SINDSJUS-PI reuniu-se por mais de duas oportunidade com o Des. Erivan Lopes para tratar sobre o andamento da obra.

“A construção do novo fórum de Parnaíba, a exemplo de outros fóruns reformados ou construídos ao longo destes últimos anos, não foi uma tarefa fácil e teve a participação dos servidores da comarca, bem como a luta e o empenho do SINDSJUS-PI”, finalizou o presidente Carlos Eugenio de Sousa. Ele não participou da solenidade de inauguração do novo Fórum por conta do andamento das atividades para derrubar, na Assembleia Legislativa, o veto do governador Wellington Dias ao projeto de lei que prevê o reajuste salarial dos servidores.

Notícias Relacionadas »
Comentários »