14/09/2017 às 13h25min - Atualizada em 14/09/2017 às 13h25min

Eleição do SINDSJUS-PI acontece nesta sexta-feira (15)

Somente os servidores do Poder Judiciário Piauiense filiados ao SINDSJUS-PI na categoria “efetivos” podem participar da votação.

Ascom
Por Sindsjuspi
O Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário do Estado do Piauí (SINDSJUS-PI) realizará nesta sexta-feira, dia 15, a eleição para definir os nomes que vão compor a Diretoria Administrativa e o Conselho Fiscal do sindicato. Somente uma chapa está inscrita e os eleitos estarão à frente da instituição durante os próximos três anos.
 
A votação vai acontecer somente nesta sexta-feira (15), com duração total de sete horas. Segundo o estatuto do SINDSJUS-PI, a votação só pode ser encerrada antes deste período se todos os filiados já tiverem votado.
 
Em Teresina, a votação acontecerá da seguinte forma: Das 8h às 14h, duas urnas receberão os votos, sendo que uma delas estará fixa na sede do Tribunal de Justiça (TJ-PI) e a outra será itinerante, percorrendo, ao longo do período de votação, todos os juizados (sedes e anexos) da capital. Durante a última hora de eleição, das 14h às 15h, a votação acontece exclusivamente na sede administrativa do SINDSJUS-PI, no bairro Cabral, zona Norte de Teresina, onde uma terceira urna será instalada.
 
Nas cidades do interior do Estado, a votação acontece somente de 8h às 14h. A comissão eleitoral informou que todas as comarcas, agregadas e agregadoras, já receberam o material para a realização do pleito.
 
O presidente da Comissão Eleitoral, Alexandre Sá Oliveira, reforça a importância da participação dos filiados na votação: “Apesar de termos apenas uma chapa inscrita, é preciso dar legitimidade aos candidatos e, quanto maior a votação, mais força a categoria vai demonstrar em torno dos interesses comuns para melhorar o trabalho no Judiciário Piauiense”, destaca Alexandre Sá Oliveira. Pelo estatuto, a maioria simples é suficiente para homologar o resultado das urnas.
 
Somente os servidores do Poder Judiciário Piauiense filiados ao SINDSJUS-PI na categoria “efetivos” podem participar da votação. O estatuto prevê ainda a obrigatoriedade de apresentação de um documento de identificação com foto no ato da votação.
 
Com o objetivo de assegurar o direito a voto de todos os filiados efetivos, bem como contribuir com o processo eleitoral da entidade de classe, o SINDSJUS-PI solicitou que os servidores que atuarão como membro da Comissão Eleitoral, mesário ou fiscal tivessem as faltas abonadas no dia 15 de setembro. Além disso, o sindicato também requereu o abono para os servidores que votarem em comarca diversa da sua, desde que estes comprovem que a falta ocorreu em razão do pleno exercício do voto. O pedido do SINDSJUS-PI foi autorizado nesta quinta-feira (14), pelo secretário-geral da presidência do TJ-PI, Paulo Sílvio Mourão Veras, em razão da ausência do presidente, desembargador Erivan Lopes, que encontra-se em viagem.  
 
Segundo a comissão eleitoral, a apuração do resultado deve iniciar logo após o encerramento da votação. Porém, o resultado oficial da eleição só deve ser homologado em até três dias úteis, pois é necessário aguardar a chegada de todo o material de votação oriundo das comarcas do interior do Estado. Cada comarca ficará responsável pela apuração e envio de informações de sua respectiva urna.
 
 
Chapa inscrita: União, luta e mais vitórias.
 
  Componentes: 
 
PRESIDENTE: Carlos Eugênio de Sousa.
 
VICE-PRESIDENTE: Nílvia Rêgo Gomes da Silva.
 
DIRETOR DE FINANÇAS: Manoel Alves de Araújo Filho.
 
2º DIRETOR DE FINANÇAS: Maria Marlene das Neves.
 
DIRETOR DE IMPRENSA E DIVULGAÇÃO: Francisca Alves da Costa Moreira.
 
2º DIRETOR DE IMPRENSA E DIVULGAÇÃO: Washington Luiz Rocha Santos.
 
DIRETOR DE CULTURA, ESPORTE E LAZER: Ademir Dourado Sampaio.
 
2º DIRETOR DE CULTURA, ESPORTE E LAZER: Carlos Alberto Pereira Valle.
 
DIRETOR DE ASSUNTOS JURÍDICOS: Kleber Vieira Paulo.
 
2º DIRETOR DE ASSUNTOS JURÍDICOS: Sâmia Cristina Pereira da Silva.
 
DIRETOR DE FORMAÇÃO POLÍTICA E ESTUDOS SOCIOECONÔMICOS: Anna Carla de Lacerda.
 
2º DIRETOR DE FORMAÇÃO POLÍTICA E ESTUDOS SOCIOECONÔMICOS: Reinaldo Lira Rabelo.
 
CONSELHO FISCAL: Francisco das Chagas Rodrigues do Nascimento; Peter Cavalcante de Araújo Costa; Jorge Luiz de Melo; Ana Valéria de Sousa Nunes; Antônio Lopes de Carvalho Neto; Carlos Alberto Furtado Rodrigues.
Notícias Relacionadas »
Comentários »