08/11/2022 às 05h41min - Atualizada em 08/11/2022 às 05h41min

Presidente eleito do TJPI apresenta proposta de reajuste salarial dos servidores para 2023

Sindsjuspi
 
Em mais uma rodada de negociação ocorrida nessa segunda-feira (07) entre  os dirigentes do SINDSJUS, SINDOJUS, ANAJUS,  a comissão criada pelo Presidente eleito do TJPI para tratar com as entidades de classe sobre o reajuste salarial da categoria para o ano de 2023 e o próprio Des. Presidente eleito, Des. Hilo Almeida, Sua Excelência Presidente, após ouvir a referida comissão e discutir, por mais de  duas horas, com os representantes das entidades de classe dos servidores, acima nominadas, apresentou proposta de reajuste salarial para a categoria dos servidores do Poder Judiciário do Estado do Piauí para o ano de 2023.
 
A proposta consiste em:
 
  1. Reajuste dos subsídios, das funções comissionadas civis e militares, dos cargos em comissão, e dos auxiliares da justiça, pela variação do IPCA: 7,02% (sete, zero dois por cento), com efeitos a partir de janeiro de 2023;
  2. Reajuste do auxílio alimentação de magistrados e servidores pela variação do IPCA: 7,02% (sete, zero dois por cento), com efeitos a partir de janeiro de 2023;
  3. Reajuste do auxílio saúde em R$ 146,65 (cento e quarenta e seis reais e sessenta e cinco centavos), fixando como referência, o percentual de 9% (nove por cento) dos valores atuais do subsídios dos servidores efetivos do nível 3-A-III, ou seja, fixar em R$ 959,66 (novecentos e cinquenta e nove reais e sessenta e seis centavos) para o auxílio saúde titular e a manutenção do valor de R$ 813,01 (oitocentos e treze reais e um centavo) do auxílio saúde complementar dependente, com efeitos a partir de janeiro de 2023;
  4. Reajuste do auxílio transporte da categoria de oficiais de justiça pela variação do IPCA: 7,02% (sete, zero dois por cento), com efeitos a partir de janeiro de 2023;
  5. Reajuste do adicional de insalubridade conforme o grau: 5%, 10% e 20% do subsídio inicial da carreira correspondente.
  6. Reajuste do adicional de periculosidade da categoria dos oficiais de justiça com a fixação de 10% do subsídio analista judiciário, nível 3A-III, com efeitos a partir de janeiro de 2023;
  7. Conversão em pecúnia, com a venda de 10 dias de férias dos servidores efetivos e comissionados, relativo ao período de aquisição 2022/2023;
  8. Criação e implantação de mais um nível e três referências para a carreira de analista judiciário do quadro de servidores efetivos do judiciário piauiense, com efeitos a partir de dezembro de 2023.
Assim sendo, o SINDSJUS marcará a continuação da assembleia iniciada no dia 27 de outubro de 2022, que foi suspensa por deliberação unânime da categoria, justamente para aguardar manifestação do Presidente do TJPI sobre a contraproposta de reajuste salarial da categoria para o ano de 2023, anteriormente apresentada à Presidência do TJPI, a qual deverá ocorrer nesta quarta-feira (9), oportunidade em que a referida proposta será oficialmente apresentada, discutida e deliberada pela categoria.

Notícias Relacionadas »
Comentários »