04/05/2020 às 07h22min - Atualizada em 04/05/2020 às 07h22min

Sindsjus-PI CONVOCA a categoria para continuar mobilização contra os ataques a salários, com paralisação das atividades nesta segunda, 4

servidores devem paralisar atividades nesta segunda-feira 4

Sindsjus/PI
 
 
O Sindicato dos servidores do Poder Judiciário do Estado do Piauí – Sindsjus/PI, CONVOCA a categoria dos servidores do Judiciário piauiense para continuar a mobilização contra o ataque aos salários e demais direitos dos servidos públicos federais, estaduais e municipais, com a seguinte pauta para esta segunda feira, 4 de maio.  

1 -  ENVIO de mensagens aos deputados federais, principalmente aos deputados da bancada de nosso estado, pedindo a Suas Excelências que,  ao votarem o  PLP 39/2020, do Senado Federal, que alterou e arquivou o PLP 149/2019, da Câmara Federal,  diferentemente do que fizeram os Senadores, os quais, aproveitando-se  do momento de extrema fragilidade da classe trabalhadora brasileira  em razão do  isolamento social a que estão submetidos por causa da  pandemia provocada pelo novo coronavírus,  na noite desse  sábado, 2, por votação remota,  aprovaram  o congelamento dos salários e demais vantagens legalmente percebidas pelos servidores públicos federais, estaduais e municipais,   como condição para a ajuda financeira do governo federal aos estados e municípios,  VOTEM CONTRA a medida, mormente em razão de sua desnecessidade, covardia e  crueldade para com os servidores e o próprio serviço público federal, estadual e municipal.

2- PARALISAÇÃO  de todas as atividades dos servidores do Judiciário piauiense (presencial e home office), nesta segunda-feira, 4 de maio, a fim de que os servidores possam encaminhar as mensagens aos deputados  e acompanhar, em casa, pelos meios que dispuserem, a votação de tão importante Projeto de Lei para a categoria, a qual,  segundo se soube há poucos instantes, está oficialmente marcada para a sessão remota da Câmara desta segunda-feira, 4, a partir das 11h.
                                                               Teresina, 4 de maio de 2020
 
                                                                  Carlos Eugênio de Sousa
                                                                 Presidente do Sindsjus-PI
 

Notícias Relacionadas »
Comentários »